terça-feira, 19 de junho de 2012

Sobre submissão e lobos







Anyhaseo!!

Este post não tem o objetivo de ser referencial científico para biologia então nerds (os chatos) e "forever alones" de plantão podem ir para brinquedoteca ou o laboratório.
Nos primórdios das Artes Marciais, muitos dos antigos mestres observavam os comportamentos de animais e estudavam suas defesas e reações e tentavam de certa forma adaptar essas técnicas ao homem.
Não só nas Artes Marciais isso era observado. O homem durante as épocas que precediam chuvas ou mudanças de temperaturas observavam e ainda observam os animais. Exemplo: Antes de uma chuva, a pressão atmosférica cai, o que faz com que os pássaros procurem abrigo antes de uma chuva. Observando isso antigamente (e atualmente em lugares com menos tecnologia) as pessoas “previam” que uma chuva estaria por vir. Em 2004 durante um Tsunami no sudeste da Ásia o numero de animais mortos foi baixo e foram notadas mudanças bruscas de comportamento como fugas em massa entre outras.
Lobos são animais que andam em bandos. Caçam em grupos e assim constroem sua sociedade.
Um lobo segue sempre o líder do grupo. É submisso. A submissão em um de seus significados, que mais gosto, quer dizer: Obediência voluntária. Um lobo ele é submisso a outro pelo bem do grupo. E em troca recebe proteção alimento e moradia e muitas vezes uma posição na hierarquia do grupo.
Quando o jovem Lobo atinge o ápice de sua força e vigor ele pode sair do grupo e iniciar a sua própria alcatéia.
É da natureza, orgulhosa e egocêntrica, do homem acreditar que submissão é obediência cega ou ser escravo de alguém, mas esse não é o significado real da palavra. Ser submisso é ser como o lobo. Ter uma obediência voluntaria. É ele ser obediente por assim desejar e acredita em quem ele obedece e nos ensinamentos que recebe. Não cegamente. Mas pelo simples fato de ver a evolução de si e do grupo. Assim você deve ser.
O lobo não é vingativo, não desrespeita ou guarda raiva. Se ele diverge do grupo ou é para montar o seu ou esta doente (pode contaminar o grupo) ou irá morrer (pode atrair predadores pela lentidão e atrasar o grupo). São animais admiráveis e tem qualidades a serem seguidas no mundo Marcial atual que padece de uma irreverência e falta de respeito pela autoridade. Quer seja na relação entre Aluno-Mestre como na relação Aluno-Aluno.


Oss!

David Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário